Entrevista com Jéssica Nayanne, jornalista Social Media do Instituto Dom José de Educação e Cultura (IDJ)

Foto: Reprodução/Facebook
Jéssica Nayanne, fortalezense, 22 anos, formada em Jornalismo pela a Estácio Fic. Redatora da Atlântico Sul FM, Cidade 99.1 e Jovem Pan Fortaleza. Apresentou os programas Cidades das Mulheres e Ceará Music - O Programa, na rádio Cidade; e também o programete Pan Fashion, inserido na programação da Jovem Pan Fortaleza. Social Media do Centro Cultural Banco do Nordeste. Jornalista do site Ceará News 7 e repórter do programa Ceará News, veiculado na rádio Canaã Fm. Coordenadora de Redes Sociais da Campanha do Prefeito eleito de Caucaia - Dr. Washington. Atualmente é jornalista Social Media do Instituto Dom José de Educação e Cultura (IDJ). 

Em uma entrevista Pingue-pongue, a jornalista relata sobre a sua profissão.

Lucas Almeida: Por que estudar Comunicação?

Jéssica Nayanne: Comunicação sempre foi inerente a mim, quando pequena eu sempre dizia que “quando eu for grande, eu vou ser Penélope”. Penélope era a personagem jornalista do programa infantil Castelo Rá-Tim-Bum da TV cultura, e eu era apaixonada por ela. A minha personalidade escolheu a comunicação por mim, meu temperamento não se encaixa em nenhuma outra área. Ser uma “comunicóloga” certificou a criticidade diferenciada que eu possuía, desde sempre.
LA: Jornalismo foi à escolha certa para você?

JN: Sem dúvida. O curso foi uma grande realização pessoal para mim, nele tive a oportunidade de aprender a externar as observações que faço sobre a sociedade. Eu sinceramente, me encanto com esse olhar diferenciado que o jornalismo nos proporciona.

LA: Qual a finalidade do jornalismo para os veículos de comunicação?

JN: Disseminar a informação, questionar a sociedade acerca dos acontecimentos diários.

LA: Aquilo que você aprendeu na sala de aula, hoje, você exerce na prática?

Formada em Jornalismo - Estácio Fic/2012
Foto: Reprodução/Facebook
JN: Todos os momentos vivenciados em sala serão importantes para o exercício da profissão, desde o debate sobre Pierre Lévy, até as preciosas dicas profissionais que os mestres nos dão. Sala de aula é uma extensão do mercado de trabalho, e vice-versa. É importante que todos saibam valorizar todos os momentos acadêmicos.

LA: Quais foram as principais dificuldades como estudante de jornalismo?

JN: Foram muitas, mas com determinação todas elas foram superadas. Era difícil conciliar os trabalhos com o estágio, conseguir um tempo para um almoço, dormir antes da meia-noite e pagar a faculdade. Mas, tudo isso valeu muito a pena.

LA: Mitos e verdade na profissão?

Mito: você não vai puxar o tapete da Patrícia Poeta e irá assumir a ancoragem do Jornal Nacional. (brincadeira, quem sabe né ?!)
Verdade: o salgado da cantina do Gui será sempre o seu almoço mais nutritivo

Papo Profissional na Estácio Fic
Foto: Éder Bicudo Tavares
LA: Hoje é possível exercer a função de jornalista sem um diploma? Por quê?

JN: É um assunto polêmico demais para ser discutido/argumentado em apenas algumas linhas. Até por que o debate sobre a regulamentação da profissão de jornalista ainda não teve um desfecho.

LA: Vida de jornalista é fácil?

JN: Não é fácil, mas é gratificante. Tudo vale a pena quando se tem amor pelo sua profissão.


LA: Para aqueles que estudam jornalismo, qual a sua dica?

JN: Simples, amem mais os seus colegas. O mercado de trabalho dos estudantes inicia desde o primeiro dia letivo na faculdade, é na sala de aula que irão sair seus futuros colegas de profissão. Seja bem visto e benquisto, não perca tempo com picuinhas que nada lhe acrescentam.

---

Frases em destaques por Jéssica Nayanne: 

"É na sala de aula que irão sair seus futuros colegas de profissão..."

"...Seja bem visto e benquisto, não perca tempo com picuinhas que nada lhe acrescentam."

---

Confira um rápida entrevista com o estudante de Jornalismo da UFC, Rodolfo Freitas:
http://blogdelucasalmeida.blogspot.com.br/2013/07/entrevista-com-rodolfo-freitas.html

Share on Google Plus

Sobre Lucas Almeida

Lucas Almeida, 20, cearense, é estudanste de jornalismo. Tem interesse em Assessoria de Imprensa, Web Jornalismo e Audiovisual. Criou o blog Papos da Raposa com a finalidade de ajudar estudantes de jornalismo através de artigos, dicas, entre outras categorias.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

É um prazer tê-lo no Blog Papos da Raposa. Ah, e obrigado pelo o comentário. Volte sempre!